17 de novembro de 2013

apontamentos










7 comentários:

  1. Agora não quer outra coisa, é sempre a andar, literalmente.
    Está tão crescido e fofo.

    ResponderEliminar
  2. A campanha de mentalização começa cedo! Vamos ver se o rapazinho se faz ao mar, a vó Neli é que não acha graça a isso. A vó Isa começou cedo a ter que gostar e penso que apesar dos perigos que podem acontecer (como em qualquer actividade para o daddy foi positivo.Bjs.

    ResponderEliminar
  3. Na verdade, vó Isa, tenho os meus receios, por isso talvez é que não me atrevi sequer a comentar estas fotos (apesar de lindas!)...

    ResponderEliminar
  4. Ele já se está a familiarizar. Qualquer dia, põe-se em cima da prancha e diz: "Pai, banheira"

    ResponderEliminar
  5. Caro Diogo,
    A lição de hoje é sobre uma coisa demoníaca.

    Diooooooooogo!
    Tu afasta-te dessas coisas demoníacas!
    Não queiras seguir as pegadas do teu pai. As pranchas só são boas para colocar numa parede, como elemento decorativo.
    O nome do teu pai é que começa por Mar. O teu ... uupps!... eu não tenho culpa do nome que te puseram...
    Em todo o caso, acho que é preferível que te dediques ao xadrez ou à renda de bilros.
    :-D

    ResponderEliminar
  6. e eu acho que o remus é daqueles "nerds" sem jeito nenhum p desporto! :p

    ResponderEliminar

mimem o Diogo!